Google+ Badge

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

JARDINAGEM PARA CRIANÇAS





Colocar uma criança em contato com a natureza faz bem, melhor ainda se tiver um espaço de terra para que elas possam explorar as atividades de jardinagem. A curiosidade das crianças ajuda muito na prática da jardinagem porque elas estão sempre dispostas a aprender coisas novas.
Brincando a criança aprenderá lições básicas sobre como cuidar de um jardim, aprendendo na prática atitudes relevantes e valiosas sobre a natureza, cuidados simples sobre a manutenção de um jardim, despertando a consciência e a importância de se preservar o meio ambiente e a flora.
Para começar uma atividade, com a ajuda da criança escolha e prepare o local, delimitando-o, explique o passo-a-passo para que ela entenda e participe do processo. Em seguida, juntos, preparem a terra, adubando-a. Entregue para a criança a semente ou a muda da planta, flor ou árvore a ser plantada e ensine-a a regá-la sempre, conforme a espécie, mas sempre com muito carinho.
A muda da planta ou da semente pode ser plantada em um vaso também, a atividade pode iniciar com muita arte, a criança poderá personalizar o seu vaso, colorindo com tintas, ou fazer colagens ou decopage, para deixar a vaso bonito e exclusivo para a sua planta preferida.
Se o espaço e as condições permitirem, você poderá colocar também um espaço para brincadeiras como: amarelinha, escorregador com caixa de areia, gangorra, ombrelone para sombra e se for possível uma casinha pra brincar. Tudo com muitas cores, alegre e lúdico com iluminação e irrigação automática e uma pequena fonte para pássaros.
Um incentivo a mais para realizar as atividades com crianças é montar um kit de ferramentas para elas, tudo mini. As crianças, sem dúvida irão adorar, sentindo-se mais preparados com as ferramentas adequadas para a atividade. E pais, não se importem com a sujeira, porque se sujar faz bem!
Brincando elas aprendem sobre os elementos que compõem a natureza, sobre alimentação saudável, reciclagem, como plantar uma horta, que as plantas são vivas.
Ter a criança como um agente multiplicador dos conceitos de responsabilidade socioambiental através das próprias ações, ensinando-a a amar a natureza trará motivação para você continuar fazendo esse trabalho, é só começar. Qualquer espaço é o suficiente para você conscientizar seu filho e qualquer idade é a hora certa para começar.



Nenhum comentário:

Postar um comentário